Imagine você querendo vender seu produto ou serviço pelas redes sociais, capricha no post, coloca as melhores imagens ou vídeos e aquela chamada incrível com oferta para chamar a atenção… 

Mas as curtidas são poucas, raríssimos ou nenhum comentário aparecem, muito menos um pedido de informações ou atendimento. A caixa de mensagens vazia! 

As perguntas que vem em mente:

  • Onde estão aqueles milhares de fãs da página que você conquistou?
  • Onde pode estar errando? 
  • Por que, mesmo fazendo postagens com frequência, não tem visibilidade e muito menos retorno?  

Deixando de fazer! Seria a resposta mais adequada

E eu vou te explicar porque, nesse post.

Antes de seguir adiante, é importante planejar o que você está tentando alcançar.

São vendas? Reconhecimento de marca? A plataforma de anúncios ajudará a orientá-lo para atingir seu objetivo, contanto que você tenha uma visão clara de qual é o seu plano.

Entendendo as redes sociais

Quando se trata das plataformas mais interativas e utilizadas, o Facebook e o Instagram valem ouro. Quem pode culpá-los? Afinal são as redes mais populares e que nos conectam com fotos, vídeos, notícias, mensagens, etc.

Mais importante, elas nos alimentam com as atividades mais recentes na vida de nossos amigos e familiares, mas também nos fornecem as ferramentas necessárias para essas interações e ideias.

O Facebook tem 2,2 bilhão de usuários ativos, sendo 130 milhões deles no Brasil e o Instagram tem 29 milhões, com a maioria dos usuários acessando o aplicativo pelo celular.

Ambos são plataformas populares das quais sua empresa ou negócio depende … 

Mas, por que seu Instagram atinge um público melhor do que sua página do Facebook, ou como você atingiu um público que não estava interessado em seu produto ou serviço com Anúncios do Instagram?

Como os anúncios se diferenciam nas redes:

Com certeza você já se deparou em algum momento com banners publicitários na barra lateral e no feed do Facebook ou no feed e stories do Instagram. Esses são os anúncios, também chamados de mídia paga, mídia online ou mídia de performance.

Eles mostram produtos e serviços que possam ser interessantes para determinado público alvo. Oferecem ótimas opções para potencializar suas ações nas redes, sendo possível definir com precisão quem você quer atingir. 

Os anúncios fazem toda diferença na melhoria do alcance das publicações, desde que as especificidades de cada rede social sejam respeitadas. 

Com a diminuição cada vez mais evidente do alcance orgânico, os investimentos nos anúncios contribuem para que as marcas continuem presentes nas redes atraindo o público alvo. 

E o mais bacana é que são precisa ser uma grande empresa para adotar essa estratégia, até mesmo os negócios pequenos e médios podem desfrutar da oportunidade e entrar na disputa pela atenção do consumidor. 

Para anunciar no Facebook e no Instagram você deve seguir praticamente os mesmos passos! 

As duas plataformas usam o Gerenciador de Negócios do Facebook e você encontra muitas informações de como criar os anúncios no Facebook for Business.

Anunciando no Facebook

O primeiro passo é ter uma página em vez de um perfil pessoal. Com uma fanpage, você consegue obter uma conta no Gerenciador de Negócios e administrar também os anúncios do Instagram.

Algumas siglas que você precisa entender para poder criar e analisar seus anúncios: 

CPC – Custo por Clique: é quanto se paga na média por cada clique no seu anúncio.

CPM – Custo Por Mil impressões: definição de quanto pagar por 1.000 visualizações do anúncio exibido.

CPA – Custo Por Aquisição: definição de quanto pagar por uma conversão, ou seja, por venda.

CPV – Custo Por Visualização: no caso do anúncio ser um vídeo, você define quanto pagar por uma visualização de um vídeo.

CPE – Custo Por Engajamento: definição de quanto pagar por uma interação com o anúncio, exemplo: compartilhar, clicar em algum link, ver um vídeo, favoritar ou curtir.

Ao entrar no Gerenciador de Anúncios, logo no início da criação você deverá escolher onde ele será exibido, se será para desktop, mobile ou para os dois formatos. O local de exibição também precisa ser definido, com as seguintes opções: feed; stories; coluna lateral direita; marketplace; vídeos sugeridos; vídeos in-stream; instant articles.

São onze os formatos de anúncio disponíveis:

Vídeo: anúncios em vídeo com som e movimento;

Imagem: anúncios visuais simples, com alta qualidade visual;

Coleção: anúncios que exibem produtos do catálogo de uma loja;

Carrossel: exibe até 10 imagens ou vídeos em um mesmo anúncio, cada um com seu próprio link;

Apresentação multimídia: anúncios que usam som, movimento e texto para contar uma história;

Experiência instantânea: anteriormente chamada de Canvas, fornece experiência otimizada para em tela cheia;

Geração de cadastro: ajuda a coletar dados de pessoas interessadas em seu negócio;

Ofertas: descontos que você pode compartilhar com seus clientes no Facebook;

Envolvimento com a publicação: permite impulsionar um post para gerar mais curtidas, comentários, compartilhamentos e visualizações;

Participações no evento: ajudam a promover eventos e atrair participantes;

Curtidas na página: levam usuários a curtirem sua página.

Quanto custa anunciar no Facebook? 

Há duas maneiras de definir o custo: valor total gasto e custo de cada resultado obtido. 

E você é que vai estar no controle do valor total gasto com seu orçamento, podendo controlar o custo por resultado com sua estratégia de lance. Além disso, a rede oferece duas outras formas para garantir que você não gaste mais do que deseja:

Limite de gastos da campanha: Defina o valor máximo que você está disposto a gastar em determinada campanha de anúncios.

Limite de gastos da conta: Defina o valor máximo que você está disposto a gastar em todas as campanhas que está veiculando.

O Facebook tem uma página dedicada para explicar o passo a passo de como anunciar. 

Você pode escolher gastar R$10,00 por dia ou R$100,00 em uma semana. Se você escolher a segunda opção, o próprio Facebook Ads vai destrinchar o orçamento total, aumentando ou diminuindo os gastos de cada dia de acordo com o atingimento ou não do objetivo do seu anúncio.

Além de anunciar, você pode também vender direto pelo Facebook. Basta criar sua loja online e começar a vender. Depois que fizer isso, inclusive, você pode escolher os tipos de anúncio voltados para sua loja online no Facebook Ads. 

Esse post do próprio Facebook apresenta e explica o recurso de Facebook Shopping e outras possibilidades. 

Anunciando no Instagram

Para criar os anúncios de sua marca ou serviço no Instagram, você pode configurar pelo próprio aplicativo ou através do Gerenciador de Anúncios do Facebook. 

Uma conta empresarial (exigida para impulsionamento de anúncios) pode ser criada utilizando o seu perfil pessoal. 

Os formatos de anúncios permitidos são: foto, vídeo, stories, carrossel e coleção. 

No aplicativo, a maneira mais fácil de veicular anúncios é promovendo as publicações que você compartilhou no Instagram. Basta selecionar a publicação que deseja promover e acompanhar quantas pessoas estão vendo e interagindo com sua publicação promovida tocando em Ver informações.

Pelo Gerenciador de Anúncios você consegue usar as mesmas ferramentas avançadas de publicidade que o Facebook. Você pode configurar, fazer alterações e ver os resultados de todas as suas campanhas, conjuntos de anúncios e anúncios do Instagram em um só local. O Gerenciador de Anúncios está disponível em computadores e dispositivos móveis.

Acesse a página de publicidade do Instagram, onde você consegue se aprofundar detalhadamente em cada tipo de anúncio, público e segmentações para anunciar na rede. 

Instagram Shopping

Assim como é possível ter uma loja online no Facebook, no Instagram não seria diferente. Você pode criar seu negócio ou produto e vender direto pelo Instagram através do Instagram Shopping. 

Uma das principais vantagens de vender seu produto direto no Instagram é a facilidade para o usuário, pois descomplica o processo de compra, principalmente para negócios com vendas mais simples, como é o caso de empresas de roupas, sapatos e eletrônicos, por exemplo.

Nesse post nós explicamos o que é como configurar o Instagram Shopping. 

Bora anunciar? 

Anunciar nas redes como vimos até aqui, não é algo tão difícil e nem um bicho de sete cabeças. Mas é preciso ter pesquisa, planejamento, tempo e orçamento mínimo para por em prática sua estratégia de publicidade online. 

Perceba que o marketing digital é importante e sim, você precisa dele para vender. Confie no seu potencial, faça testes de anúncios, meça os resultados e colha as consequências de ter uma boa presença digital.

Está sem tempo e braço? Fique tranquilo que a Nvox cuida do seu projeto de anúncios em redes sociais, do começo ao fim de cada campanha. 

Já entregamos resultados para centenas de clientes, confira AQUI.

Até o próximo post! 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.