Quanto mais oportunidades convenientes as marcas oferecem para os usuários, mais exigentes e impacientes eles se tornam. Além disso, os eventos recentes mudaram a forma como pesquisamos, escolhemos, fazemos compras e tomamos decisões que impactam em consumo.

Antes, a tecnologia era o motor de muitas empresas, mas agora ela ocupou todo o espaço disponível sob o sol. Isso significa que o marketing também está mudando e os usuários desejam uma interação ainda mais pessoal e envolvente.


Veja também:


O que é conteúdo interativo

O conteúdo interativo envolve os usuários em uma atividade. Mais do que simplesmente ler ou assistir o conteúdo, eles recebem resultados hiper relevantes em tempo real com os quais se preocupam!

Pode ser qualquer atividade da qual participem, como responder a perguntas, fazer escolhas, explorar cenários, enquetes e muitas outras maneiras. 

De acordo com a Outgrow, 93% dos profissionais de marketing classificam o conteúdo interativo como altamente eficaz para educar o comprador.

O conteúdo interativo é necessário porque o problema real é que a capacidade de atenção do usuário é limitada. Eles irão apenas rolar sua postagem se não a acharem atraente o suficiente para gastar seu tempo com ela. 

Portanto, entrar na zona interativa é uma ótima maneira de chamar a atenção desde o início e levá-los aos objetivos desejados. 

E, porque não, o conteúdo interativo é criado com o pensamento e a intenção oculta de captar a atenção do usuário e incentivá-lo a realizar a ação desejada (que você deseja, no caso). 

Você pode ir tão longe quanto quiser com o conteúdo interativo! Desde simplesmente fornecer o conteúdo para deslizar para cima e revelar sobre um tópico, ou tão complexo e próximo, quanto responder a uma série de perguntas para participar de um concurso. 

Conteúdo passivo x Conteúdo interativo!

Conteúdos passivos são textos, podcast, vídeos, e-books, PDF entre outros. Procuramos responder a dúvida do usuário e, se possível, promover esse lead para uma jornada de compra.

Os conteúdos interativos têm uma proposta mais interessante – poder segurar o usuário por mais tempo em sua página, pois, ele irá se sentir atraído por algo diferente. A produção de formatos interativos, busca se destacar em meio ao turbilhão de informações na internet.

Dependendo da criatividade para o seu conteúdo, ele pode

  • instigar a curiosidade para descobrir o final,
  • gerar repetição da interação para descobrir diferentes finais  
  • virar uma fonte de consulta fixa para realização de alguma tarefa ou processo (o melhor dos cenários).

O objetivo principal é engajar o público-alvo. 

A seguir eu destaco alguns exemplos de conteúdo interativo que já foram aplicados com sucesso, para você incluir nas suas ações ou planejamento de marketing:

Infográficos

E se o seu infográfico for muito mais do que apenas um conjunto de belíssimas imagens e textos explicativos? O infográfico interativo é o novo potencial que você pode explorar e aplicar em suas estratégias.

Um bom exemplo é o infográfico que trata sobre A Evolução da Web. O importante é que você dê algumas informações aos seus telespectadores. Isso irá garantir que eles fiquem presos na jornada interativa. 

Quando você tem muitas informações convincentes e que podem ser compartilhadas com o público (o que é útil para eles)! Então, usar um conteúdo interativo infográfico pode mergulhar no tráfego massivo. 

Você poderá compartilhar informações interessantes!

Seu público não ficará entediado! 

A informação visual é mais fácil de lembrar e entender!

Ao todo, você chama a atenção do público de uma só vez!

Pode ser trabalhoso, ter custos, levar tempo e até exigir um pouco de programação, mas o resultado final com certeza será excelente. 

eBooks

Antes de mais nada, é necessário entender o que é um ebook e qual a diferença entre sua forma estática e sua forma interativa.

Um ebook é um conteúdo produzido pela marca considerado rico, ou seja, ele agrega uma estratégia de marketing de conteúdo na qual o leitor deve baixar o conteúdo para obter o conhecimento sobre determinado assunto.

Em sua forma interativa, no entanto, é possível ir além do que é proposto pela formatação de PDF. O ebook interativo permite e instiga o leitor a interagir com o material podendo essa interação acontecer de diversas formas, como por exemplo:

  • alteração do conteúdo apresentado de acordo com a interação do leitor;
  • a forma como as informações são coletadas para os dados que podem ser dados ao decorrer da leitura;

O ebook interativo permite que o conteúdo seja focado para aquilo que o leitor procura. 

Uma forma de aplicar os exemplos acima é utilizar de questionários ao longo do documento para guiar o leitor. Perguntas como: você trabalha com marketing digital? você aplica estratégias de marketing digital em uma empresa? com respostas de sim ou não, são ideais para tal.

Importante que as perguntas e os conteúdos que seguem essas perguntas sejam adequadas de acordo com a resposta.

Um exemplo bacana é o ebook interativo da 24 Hours Fitness, desenvolvido pela Scribblelive (plataforma especializada em conteúdo interativo). Ele é composto por diversos elementos clicáveis e diversos formatos midiáticos para a melhor experiência do leitor.

Imagens

As imagens tornam mais fácil chamar a atenção de qualquer pessoa que esteja navegando na Internet. Você só precisa das combinações corretas de cores para torná-las criativas. Você também pode usar contrastes para destacá-la contra o plano de fundo da plataforma.

A melhor maneira de tornar imagens mais atraentes é torná-las interativas. Converter em imagens 3D é uma ótima possibilidade. Isso chama a atenção das pessoas que navegam em diferentes plataformas, uma vez que elas mudam conforme passam.

Uma das intenções com o formato é induzir as pessoas a clicarem para interagir. Isso é envolvimento suficiente para viralizar. Se o público achar isso divertido, eles até deixarão uma reação, aumentando o envolvimento.

Você também pode criar imagens de 360 ​​graus, que estão ficando mais populares atualmente, pois costumam apresentar cenários incríveis e atrair usuários que gostam de detalhes visuais. 

Vídeos

Além das imagens, os vídeos também estão entre as melhores maneiras de chamar a atenção de alguém na Internet. Na verdade, eles são a mídia mais envolvente disponível hoje. Isso ocorre porque as pessoas geralmente ficam curiosas o suficiente para descobrir qual é o final do vídeo.

Para que isso funcione, você precisará de um bom gancho para o vídeo. Isso torna os primeiros 5 segundos a parte mais importante do vídeo. Se você não está pronto para a tarefa, o que é ótimo é que você pode fazer um vídeo interativo, em vez disso.

Eles são ainda mais envolventes do que os vídeos normais por causa da interatividade adicional. 

Um exemplo famoso é o filme original da Netflix, Bandersnatch. A Internet foi tomada de assalto porque os espectadores podiam escolher como o filme progredia.

É uma ótima maneira de envolver as pessoas em qualquer narrativa que você queira apresentar. É uma ótima ferramenta para contar histórias, que você pode usar em sua estratégia de marketing. Você pode ter certeza de que as pessoas ficarão até o fim dessa forma, já que se envolverão na história.

Outra maneira de fazer isso é colocar questionários no vídeo. Essa é uma ótima maneira de fazer com que seus espectadores prestem atenção ao seu vídeo. E também passar informações que podem ser úteis no futuro.

Calculadoras

As calculadoras funcionam muito bem nos estágios mais próximos da compra ou que chamamos de meio de funil. Nessa hora, é o momento de usar recursos práticos capazes de mostrar os benefícios do seu produto ou serviço — de forma direta ou indireta.

A plataforma de marketing digital HubSpot, por exemplo, tem uma calculadora de ROI. A partir dela, o usuário consegue descobrir o retorno do investimento que uma pessoa ganha ao ser um cliente da empresa.

Ao inserir as informações solicitadas pelo recurso, você recebe uma análise em gráficos que mostra o retorno de forma prática. 

Brindes (ou prêmios)

Brindes são sempre ótimas fontes de engajamento para sua marca. Fazer isso é uma ótima maneira de aumentar a visibilidade e audiência. É uma maneira assertiva de estender seu alcance e gerar novos clientes.

Os brindes em si são interativos o suficiente para torná-lo viral. Pedir aos usuários que compartilhem seu conteúdo em troca de recompensas o ajudará a gerar leads também. O bacana nisso, é que são táticas de marketing econômicas.

Seu público irá comercializar sua marca para você. Fazer com que eles comprem seu produto no processo é uma ótima maneira de criar uma campanha eficiente. 

Conclusão

Conteúdos interativos, acima de tudo, são essenciais para quem busca aumento no engajamento a partir de uma oferta relevante e que entregue proposta de valor.

E agora o mais importante: Avalie seus resultados constantemente. 

Sempre que você lança uma campanha de marketing digital, você deve acompanhar e medir seus resultados. Como está seu desempenho em comparação com outros métodos? 

  • Você está gerando mais conversões com um tipo de marketing interativo do que com outro? 
  • Essa abordagem está fornecendo informações valiosas sobre as preferências do usuário? 

Use todos os dados possíveis para reformar e otimizar sua campanha no futuro. 

Gostou? Comente abaixo. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.