Uma das coisas mais incríveis no marketing digital é a possibilidade de acompanhar as métricas que trazem resultados reais e imediatos, se tornando uma forma eficaz para o sucesso da marca ou empresa e também das vendas.

Uma campanha de marketing bem sucedida deve ser determinada por muito mais do que apenas conversões, leads e vendas. Se você procura resposta para essas perguntas:

  • Como trazer mais tráfego orgânico para o seu site?
  • Que tal um alcance mais amplo nas redes sociais?
  • Ou uma taxa de cliques de e-mail mais alta?

É o que vou responder nesse artigo!

Todas essas são metas válidas e apoiadas por dados analíticos que você pode coletar ao longo do tempo. É há uma série de importantes métricas de marketing digital para rastrear e orientar suas campanhas digitais.

Não tem como fechar os olhos para a realidade: o marketing digital é atualmente o principal aliado das empresas que pretendem estabelecer ou expandir a sua presença na Internet, focando em vendas e relacionamento com clientes. 

Por meio de práticas como produção de conteúdo, investimentos em redes sociais e mídia paga, é possível não só atrair potenciais clientes, mas também direcionar sua jornada pelo funil de vendas.

Como você sabe, os detalhes da sua estratégia digital devem ser desenhados de acordo com as características da sua empresa e principalmente do seu público-alvo.

Para isso, é fundamental adotar uma abordagem analítica, observando os aspectos que apresentam bom desempenho e aqueles que precisam ser otimizados – é aí que entram as métricas de Marketing Digital.

A utilização de indicadores de desempenho é fundamental para você manter sua estratégia em constante aprimoramento, entregando melhores resultados para sua empresa. Para ajudar você a atingir esse objetivo, listei e vou explicar a seguir as métricas mais importantes para suas ações digitais:


Veja também:


Visitas ao site

Essa é considerada uma das principais métricas a ser verificada. Para marcar presença e vender na Internet é fundamental ter um site na Internet.

Além de centralizar as informações mais relevantes sobre o seu negócio, você pode usar o site para desenvolver um blog, fundamental para atrair e nutrir leads.

Portanto, uma das métricas mais importantes do Marketing Digital é o total de Visitas ao site, que, como o nome já diz, mede o número total de visitantes nas páginas. Este é um indicador que deve ser observado com atenção.

No cenário ideal, o total de visitas ao site deve apresentar crescimento estável mês a mês. Porém, se notar uma queda no volume de visitas, é hora de agir para tornar seu site ou e-commerce mais atraente para os usuários que chegam nele.

Tráfego por canais

Além de conhecer seu volume total de tráfego, é importante analisar de onde vem cada visitante. Afinal, para que sua estratégia alcance bons resultados, você deve contar com diversos canais, que devem ser monitorados individualmente. Portanto, separe as fontes de tráfego e identifique as mais relevantes.

Se você perceber, por exemplo, que poucos visitantes chegam pela pesquisa orgânica, isso pode indicar que sua abordagem de SEO precisa ser otimizada. 

Confira as fontes de tráfego mais comuns para sites:

  • visitantes diretos : usuários que acessam seu site digitando a URL;
  • visitantes orgânicos : chegam ao seu site após usar uma ferramenta de mecanismo de busca como o Google.
  • referências : visitantes que visitam sua página após clicar em um link;
  • email : visitantes que encontram sua página por meio de email marketing, com newsletters, fluxos de automação, campanhas;
  • visitantes de redes sociais : aqueles que chegam ao seu site a partir de canais como Facebook, Instagram, Youtube, etc.
  • visitantes pagos : usuários que encontraram seu conteúdo por meio de anúncios em mecanismos de pesquisa.

Novos usuários x Usuários que retornam

Comparar o número de novos visitantes com o número de visitantes de retorno é uma forma muito eficiente de medir a eficácia de seu novo conteúdo e de seu site como um todo.

Para usar essa métrica, comece estabelecendo o período de avaliação, que geralmente é mensal.

A porcentagem de visitantes de retorno indica o quão envolvente é o seu conteúdo.

Em uma situação em que há muitos novos acessos e poucos retornos, por exemplo, você pode supor que sua estratégia está conseguindo atrair interesse. Mesmo assim, seu conteúdo não é bom o suficiente para convencê-los a retornar.

Interações por visita

Obter tráfego é sensacional, mas o que você realmente deseja é que seus visitantes interajam com seu conteúdo. Portanto, mapeie a experiência do público e aprenda que tipos de gatilhos podem ser mais eficazes para estimular toda interação possível.

Com o tempo, você irá perceber padrões que podem otimizar sua estratégia. Se o visitante, por exemplo, passa mais tempo em páginas com conteúdo visual , investir mais tempo nesse tipo de material, no caso vídeos ou gráficos, pode ser um grande benefício para um bom relacionamento com seu público.

Taxa de rejeição

Essa métrica é considerada um ponto de atenção. A taxa de rejeição indica a quantidade de pessoas que visitaram seu site e saíram rapidamente, sem abrir outras páginas ou realizar qualquer tipo de ação.

Uma alta taxa de rejeição é um forte sinal de que sua estratégia digital deve ser otimizada. Isso pode acontecer por uma série de motivos, como atrair o público errado para o seu site, não ter boas CTAs, ou o seu conteúdo não ter valor suficiente para o leitor.

Nesse caso, você precisa analisar cuidadosamente o que está provocando essa taxa e mapear quais melhorias podem ser feitas. 

Aberturas e Cliques em e-mails

Um dos canais mais utilizados para nutrir leads, relacionamento e vendas com clientes ou prospects cadastrados em sua empresa, o email, tem 3 métricas fundamentais para entender o alcance das campanhas enviadas: 

  1. Taxa de entrega, que considera efetivamente os emails que chegaram nas caixas de entrada dos leads, ou seja, quem recebeu a mensagem.
  2. Taxa de abertura, onde é possível identificar quem realmente abriu o email.
  3. Taxa de cliques, onde se mede o alcance dos links utilizados, que direcionam para outras ações. Essa é a métrica mais importante no email, já que completa a expectativa de quem enviou e demonstra real interesse em sua mensagem.

Custo por visitante (CPV) e receita por visitante (RPV)

Enquanto o Custo por Visitante calcula o investimento total feito para adquirir um visitante, a Receita por Visitante estima quanto sua marca ganha com cada visita.

Para decidir se você está ou não no caminho certo, uma dica valiosa é comparar as duas métricas.

Se o RPV for maior que o CPV, parece que seus esforços valem a pena.

O cálculo para atingir esses valores é simples. O CPV é calculado dividindo os visitantes gerados por uma campanha pelo valor investido nela.

Portanto, se você gastou R$500 em links patrocinados e eles geraram 1.000 visitantes, o CPV foi de R$0,5. Você pode encontrar o RPV dividindo a receita gerada pela campanha pelo número de visitantes atribuídos a ela. 

É importante que você calcule essas métricas para todos os seus canais de tráfego para identificar os mais relevantes.

Custo por conversão

Para calcular o custo por conversão, você deve primeiro definir o que é considerado uma conversão. Pode ser o momento em que o visitante se torna um lead via formulário ou cadastro direcionado, o momento em que faz o download de algum material ou até mesmo o ato de comprar algo.

Depois de definir seu parâmetro, é importante trabalhar para manter o custo por conversão baixo. Afinal, se o valor for muito alto, sua empresa pode enfrentar dificuldades mesmo com um grande percentual de conversões.

Em uma Landing Page, por exemplo, fique de olho sempre na taxa de conversão, que é calculada entre o número de visitantes da página x leads gerados. 

Custo por aquisição

Ao contrário do custo por conversão, o custo por aquisição tem apenas um foco: receita.

A métrica é usada para calcular o valor investido para cada indivíduo que se torna um cliente pagante.

Em outras palavras, o CPA indica exatamente quantos você precisa gastar para convencer alguém a investir em suas soluções ou serviços. 

Pontuação Net Promoter

Net Promoter Score ou NPS é uma métrica amplamente utilizada para definir o grau de fidelidade de seus clientes. É apenas uma pergunta, que geralmente aparece nos rodapés de ferramentas de marketing e vendas ou é enviada em e-mails de acompanhamento.

A pergunta é: “Qual é a probabilidade de você recomendar esta empresa a um amigo ou colega?”

Os clientes devem responder com um valor entre 0 e 10, é classificado em três categorias:

  • promotores (pontuação 9 a 10): entusiastas da sua marca com grande possibilidade de indicá-la a terceiros;
  • passivo (escore de 7 a 8): satisfeito com os serviços oferecidos, mas sem entusiasmo. Eles irão embora sempre que virem uma oportunidade melhor;
  • detratores (pontuação de 0 a 6): clientes insatisfeitos que espalham comentários negativos sobre sua marca.

Taxa de engajamento

Essa é uma métrica que pode ser utilizada em mais de um canal, mas geralmente é aplicada em estratégias de redes sociais. O objetivo é identificar a porcentagem do seu público total que se envolve ativamente com o conteúdo postado, seja por meio de curtidas, comentários ou compartilhamento.

ROI (Retorno sobre o investimento)

É uma métrica final, que indica o quanto de retorno determinada ação trouxe para sua empresa, comparada com o dinheiro investido. Por exemplo, se você investe R$100 no Facebook/Instagram Ads e gera R$1.000 de venda seu ROI é muito positivo.

Conclusão

Ao compreender as principais métricas do Marketing Digital, você pode encarar sua estratégia com uma aparência mais analítica e encontrar espaço para otimização e melhorias.

É importante definir antecipadamente seus indicadores-chave de desempenho, suas metas, a fim de focar nos números que realmente importam para a avaliação de seus esforços. 

Não tenha medo de refazer ou testar diferentes formatos em suas campanhas, afinal as métricas não mentem e sempre é possível encontrar resultados mais eficientes. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado.